Sistelo fica em Arcos de Valdevez visita Aldeia

Sistelo fica em Arcos de Valdevez visita Aldeia

classificação como Monumento Nacional aldeia Sistelo o elemento de arquitectura mais destacado é, contudo. bastante mais recente. Trata-se da denominada "Casa do Castelo", um palácio revivalista de planta rectangular, com duas torres com ameias a ladear o frontispício e um jazigo Neogótico. O conjunto, que domina uma paisagem natural de inegável beleza, foi edificado na segunda metade do século XIX por um natural da freguesia regressado do Brasil, e primeiro Visconde de Sistelo, Manuel A. Gonçalves Roque.


Sistelo é famoso pelos seus socalcos, que surgem pela necessidade de aumentar a superfície agrícola e de contrariar os declives. São plataformas mais ou menos planas de solo profundo e fértil, construídas nas vertentes das montanhas, sobrepostas umas às outras em escadaria e suportadas por grandiosos muros de pedra. Estas estruturas permitiriam o desenvolvimento de uma agricultura de subsistência de extrema importância para a sobrevivência das comunidades rurais.


Associados a estas plataformas, construíram-se canais destinados ao transporte de água dos pontos mais altos das montanhas, poços e cursos de água, para os campos.


Estes canais, que em alguns casos se estendem por dezenas de quilómetros, denominam – se de regadios e são fundamentais para a subsistência das culturas nos meses de Verão.

Sistelo foi primitivamente uma Póvoa medieval, de cujo período parecem sobreviver traços em elementos como a implantação do cruzeiro, do fontanário ou na organização do casario.




Historia da aldeia do Sistelo 

Como chegar aldeia do Sistelo 

As Inquirições de 1258 ao referirem-se à freguesia de Cabreiro, dizem que Sistelo era uma recente e pequena póvoa, que a família do fundador havia doado à Ordem do Hospital. As propriedades do termo da referida póvoa encontravam-se isentas de fossadeira, por pertencerem àquela Ordem. 


Parece, porém, deduzir-se que os seus habitantes estavam sujeitos à anúduva, bem como à cobertura da fronteira, guardando o porto de Couso. 


O “porto de Couso” deve situar-se perto do marco geodésico do Couço (752 m. de altitude), isto é, junto da confluência do rio Sistelo e ribeira de Cabreiro. 


A primeira referência conhecida a esta igreja encontra-se no registo da avaliação do rendimento dos benefícios eclesiásticos da comarca de Valença, ao tempo da sua incorporação na diocese de Braga (1514-1532). Rendia então 25 alqueires de pão. 


Na cópia de 1580 do Censual de D. Frei Baltasar Limpo, Sistelo figura como sendo anexa à igreja de São Salvador de Cabreiro. 


Américo Costa refere-se a Sistelo como sendo vigairaria erecta filial de Cabreiro, pertencendo a esta última o direito de apresentação do vigário colado de Sistelo.

 

Do Porto: Siga pela A3 em direcção a Valença. Saia ao Km 78 em direcção aos Arcos de Valdevez, após pagar a portagem siga no IC28 em direcção a Arcos de Valdevez. Cerca de 15km depois deixe o IC28 e siga as indicações de Arcos de Valdevez. À entrada da vila de Arcos de Valdevez, siga as indicações para “Sistelo”/”PNPG”/”Mezio”. Siga pela N202-2, seguindo as indicações de Sistelo e cerca de 22 km depois chegará à aldeia. 


Coordenadas GPS: 
41°5824.08"N 
8°2227.85"O

Sistelo foi primitivamente uma Póvoa medieval, de cujo período parecem sobreviver traços em elementos como a implantação do cruzeiro, do fontanário ou na organização do casario.

A aldeia de Sistelo situa-se no concelho de Arcos de Valdevez, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês, junto à nascente do rio Vez.

Famosa pelas suas paisagens em socalcos, onde se cultiva o milho e pasta o gado, a aldeia encontra-se muito bem preservada, tendo sido recuperadas as casas típicas de granito, os espigueiros e os lavadouros públicos.

O Passadiço do Sistelo é um percurso com cerca de dez quilómetros, integrado na Ecovia do Vez. No total da Ecovia, uma das mais populares a Norte e com quase 40 quilómetros, há três percursos entre o Rio Lima, na aldeia de Jolda S. Paio, até à aldeia do Sistelo.

O percurso do Passadiço, da Ponte de Vilela até à aldeia de Sistelo (ou em sentido inverso), é conhecido por quem gosta de fazer caminhadas, mas continua a ser um segredo para a maioria dos portugueses. Num total de 10.266 metros para cada lado, ao longo de carreiros pelas margens do rio, o percurso dura três a quatro horas e é considerado um trajeto de dificuldade média, com algumas subidas e descidas acentuadas. Pode fazer a pé, a correr ou de bicicleta.







O que visitar e conhecer em Portugal

Os 15 melhores pontos turisticos e passeios em Vila do Bispo

Os 15 melhores pontos turisticos e passeios em Vila do Bispo

Praia da Cordoama Cabo de So VicenteA Praia da Cordoama situa-se ao norte do Cabo de São Vicente, a leste da Praia do Castelejo e a oeste da Praia da Barriga. Possui acesso de carro por estrada alcatroada e dois parques de estacionamento. Tem um extenso areal rodeado de falésias e é muito tranquila. Na praia desagua um pequeno...
Os 15 melhores sitios para ver e visitar em Setúbal

Os 15 melhores sitios para ver e visitar em Setúbal

...
As 10 melhores coisas para fazer no inverno em Vila do Bispo

As 10 melhores coisas para fazer no inverno em Vila do Bispo

Praia do Barranco Vila do BispoA Praia do Barranco é dona de uma grande beleza natural, rodeada de uma paisagem verdejante e do azul do mar, sendo conhecida por ser muito frequentada por artistas, conferindo-lhe um ambiente alternativo muito próprio.  As águas são calmas devido ao abrigo proporcionado pelas pontas ...
As 10 melhores actividades para fazer e visitar em Albufeira

As 10 melhores actividades para fazer e visitar em Albufeira

Praia de Maria Lusa AlbufeiraCom acessos a partir da povoação dos Olhos de Água ou do empreendimento da Quinta da Balaia, a Praia Maria Luísa está rodeada de arribas com tonalidades que vão do ocre ao dourado, num contraste bonito com o azul do mar.A praia possui infraestruturas de apoio muito completas qu...