Roteiro do Douro 5 lugares especial para conhecer

Peso da Régua

Começamos pela cidade de Peso da Régua, ainda relativamente pouco explorada e situada já no distrito de Vila Real. Plantada junto ao Rio Douro, é considerada a capital da região demarcada, na qual é produzido o conhecido Vinho do Porto. Para quem procura fugir do stresse das grandes cidades, aqui encontrará um porto seguro.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 2
O Peso da Régua é um destinos mais pretendidos no Douro

A cidade é pequena, mas arrebatadora. De gente simpática e espírito acolhedor, ganha especial vida aquando da época de Cruzeiros no Douro. Passeie pela sua avenida principal, lado a lado com o Rio Douro, e desça até ao Cais. Admire o enérgico quotidiano das tripulações dos barcos que partem logo cedo, ou aprecie animação e energia nos barcos que vão atracando durante todo o dia. Por aqui, as vistas são incríveis, tudo é perto, e pode usufruir das experiências mais típicas – como uma visita ao Museu do Douro ou uma passagem por uma Quinta produtora de Vinhos do Porto e do Douro – e a Gastronomia é de comer e chorar por mais!

De paragem obrigatória em Peso da Régua é o Miradouro de São Leonardo em Galafura. Se estiver bom tempo, sem nuvens, diz-se que é como estar mais próximo do Céu. O miradouro tem algumas mesas para quem quiser fazer um piquenique debaixo dessa comunhão especial.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 3
O seu Miradouro de São Leonardo de Galafura permite uma vista incrível desta região do Douro

O caminho para lá chegar é algo sinuoso mas, com roupa e calçado adequado e confortável, o esforço da subida é altamente recompensado pela vista a que tem acesso: é arrebatadora e traz-lhe paz interior para dar e vender, com todos os sentidos a saírem revigorados deste passeio. Daqui também se avistam as encostas do Rio Douro num ângulo menos comum, onde cabem todos os seus montes e vales.

Pinhão

Outro local que destacamos de visita imprescindível para ficar a conhecer as maravilhas do Douro é a Estação Ferroviária do Pinhão, considerada a mais bela estação do Douro (talvez, também, de Portugal?). Construída durante o século XIX, é conhecida pelos seus azulejos representativos da produção do Vinho do Porto, desde as vindimas, o pisar das uvas até ao transporte do vinho em Barcos Rabelo rumo às caves em Vila Nova de Gaia. Tudo no Pinhão ganhou vida extra a partir de 1880 quando o comboio ali chegou.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 4
A estação do Pinhão é um dos mais emblemáticos marcos da região

Em 1937 a estação recebeu os 24 painéis de azulejo que hoje fazem dela um local de importância histórica, já que, também eles, contam episódios de hábitos desaparecidos na região do Douro. A não perder!

Aldeia de Provesende, Sabrosa

Situada em pleno Alto Douro Vinhateiro, a aldeia de Provesende, em Sabrosa, é outro local de encantos bem visíveis, imperdível na sua viagem pelo Douro e cuja localização permite avistar a região vinhateira mais antiga do mundo num prisma singular. Os magníficos edifícios, que parecem retirados do cenário de um filme de época, merecem uma observação mais demorada, bem como a praça principal da aldeia. A ruralidade da aldeia não só tem sido mantida como é uma espécie de cartão-de-visita que orgulha quem lá vive.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 5
Os edifícios rurais desta aldeia parecem saídos do cenário de um filme!

Local de antiga ocupação humana, os solares de granito e casas nobres afastam a sensação de isolamento e testemunham toda a riqueza que outrora ali fez casa. Junto à igreja matriz encontra um pelourinho, em muito bom estado de conservação, e um fontanário datado de 1755. Se, entretanto, a fome de meio da tarde apertar, também aqui encontra uma solução e uma saborosa pausa à altura: uma padaria com um aspeto muito semelhante ao que tinha quando foi inaugurada em 1940.

Além de provar os Vinhos do Douro, para um almoço ou jantar de slow food, a sugestão aponta para a Casa Típica Papas Zaide, onde também encontra à venda produtos locais tradicionais.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 6
O Restaurante Papas Zaide é um dos restaurantes mais típicos da região

Pocinho

É nesta pequena aldeia, localizada no concelho de Vila Nova de Foz Côa, que está uma das famosas barragens do Douro com o mesmo nome. É outra proposta para descobrir os encantos do Douro e conhecer um novo local este ano. Construída em 1982, com 49 metros de altura e 430 de largura, é possível praticar vários desportos náuticos na albufeira desta barragem, como pesca, vela, sky aquático, entre outros.

A sua estação ferroviária é atualmente o terminal da Linha do Douro e foi, também, a sua construção que contribuiu para o crescimento da população que aqui começou a ter ligação para outras regiões e viu-se no meio de um importante entreposto de mercadorias onde os produtos agrícolas eram reis.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 7
No Pocinho escondem-se algumas das paisagens mais belas do Douro

E para conhecer esta zona da melhor forma, nada como uma combinação sublime destas duas experiências típicas. Assim, no nosso cruzeiro entre Régua e Pocinho, aliámos a terra à água, proporcionando um dos programas mais aclamados do Douro. De comboio, parta bem cedo da pequena Estação da Régua em direção ao Pocinho, atravessando pontes emblemáticas e túneis cravados em altos rochedos. Este percurso de comboio é um dos troços mais famosos em Portugal, sendo totalmente realizado lado a lado com o incrível Rio Douro. E, já em pleno coração duriense, regressámos à Régua num belíssimo e animado passeio de barco.

Também aqui está situado o Centro de Alto Rendimento de Remo e Canoagem do Pocinho, uma obra do arquiteto Álvaro Andrade e propriedade do Município de Foz Côa, que já ganhou o Prémio Arquitetura do Douro. No centro conjugam-se zonas de treino, de alojamento e de convívio social.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 8
Sendo uma pequena Vila, o Pocinho tem muito para o surpreender

São Xisto

O quinto dos destinos a conhecer este ano é São Xisto, uma aldeia situada nas encostas do Douro, em Vale de Figueira, concelho de São João da Pesqueira, adornada pelos tradicionais muros de pedra.

A cultura religiosa está muito presente em São Xisto, pelo que os pontos a destacar são a Capela de São Xisto, o Mirante Anjo Arrependido e a Fonte Centenária.

Esta aldeia não pode, definitivamente, ser visitada com pressa. Cada uma das diversas casas típicas em xisto é um monumento a este tipo de pedra e merece uma contemplação demorada. A seguir, para ajudar a combater o frio, a proposta é ficar a conhecer os igualmente típicos lagares de azeite e de vinho, claro. A aldeia é pequena, com poucos habitantes, mas tudo foi conservado com muita dedicação. E A capela de Santo Ovídeo é um dos melhores exemplos disso mesmo.

5 Lugares para Conhecer no Douro - 9
A Aldeia de São Xisto é um dos maiores Tesouros do Douro!

Na gastronomia, ir a São Xisto implica fazer o seu copo de vinho acompanhar-se de um petisco como os peixes do rio, fritos, de cebolada ou de escabeche. O tempo parou aqui. Mas não foi cruel, acredite!

  • Roteiro do Douro 5 lugares especial para conhecer

O que fazer em - Portugal