Suba ao arranha-céus mais alto de Lisboa, com vista para o Tejo. A Torre Vasco da Gama honra os antigos navegadores e a relação da cidade com o rio, num cenário magnífico.

O primeiro espaço do chef espanhol Martin Berasategui será inaugurado em outubro. Além de comer, pode passar por lá só para ver as vistas. restaurante lisboeta, no alto da Torre Vasco da Gama, a 140 metros

 novo espaço de Martin Berasategui é da responsabilidade do Grupo SANNA, que detém o hotel Myriad, mesmo colado à Torre. O projeto foi apresentado na tarde desta quarta-feira, 23 de maio, e tem um investimento total de 3 milhões de euros. O valor é relativo às obras do restaurante e também da reconversão em miradouro. O espaço não foi possível visitar por ainda se encontrar em obras.

O arranha-céus mais alto de Lisboa, com 140 metros, merece uma visita e recompensa-o com uma das vistas mais icónicas da cidade. Totalmente integrada na frente de rio do Parque das Nações, a Torre Vasco da Gama apresenta um perfil de vela enfunada, evocando os inúmero navios portugueses que saíram do Tejo para descobrir o mundo. Projetada pelos arquitetos Nick Jacobs e Leonor Janeiro, é uma visão impressionante que marca o Tejo. Embora não seja possível subir ao topo da torre – a não ser que a alugue para um evento especial – pode sempre aproveitar as zonas para visitantes do hotel aí situadas. E pode ter a certeza que a vista do Spa, no 23º andar, merece a visita. A massagem é só a cereja no topo do bolo. Ou da torre.







Turismo em Portugal

Explora restaurantes museus hoteis e muito mais em Portugal