A pequena cidade portuguesa de Viseu possui tudo o que você quer em um destino turístico: pessoas amigáveis, ruas limpas, pores-do-sol nas montanhas, vestígios romanos, uma incrível catedral e mais parques do que você pode imaginar. 

Historicamente, a única coisa que falta é ... turistas. Hoje isso está mudando. Desde 2013, o número de visitantes durante a noite duplicou para mais de 250.000 por ano.

O segredo da cidade? Artes e Cultura. Cinco anos atrás, Viseu elegeu um novo prefeito que tinha um plano duplo para o futuro da cidade - atraindo empresas de tecnologia de ponta e estimulando o turismo cultural. 

O jornal inglês The Telegraph publica um rasgado elogio à «pequena cidade» de Viseu, que diz que tem vindo a afirmar-se como «city break cultural» graças à arte e cultura.
 
Viseu tem tudo o que um turista procura num destino: pessoas amigáveis, ruas limpas, por do sol nas montanhas, vestígios romanos, uma incrível catedral e parques» para passear, diz o The Telegraph numa reportagem sobre «a obscura cidade portuguesa que está a tentar tornar-se famosa

Agora, a cidade está a afirmar-se no mapa turístico como uma city break cultural, como referiu ao Telegraph o vereador da Cultura da Câmara, Jorge Sobrado. Segundo o periódico, o segredo dessa evolução está concentrado nas artes e na cultura.

O evento literário Tinto no Branco, o Festival de Street Art, o Europeade (realizado em julho deste ano) e a Feira de S. Mateus são os eventos que destaca para frisar que Viseu está a atrair cada vez mais turistas.