As 5 aldeias mais bonitas da Serra da Estrela para ver neve


Adeias da serra da estrela para ver nevarar É a montanha mais alta de Portugal Continental e esconde belezas naturais imensas. Mas não só! No seio da Serra da Estrela, escondidos entre vales e colinas, estão pequenos paraísos por descobrir.


Linhares da Beira (Celorico da Beira)

 

Situada na vertente ocidental da Serra da Estrela, Linhares da Beira terá tido origem num castro lusitano. De facto, os Montes Hermínios (era este o nome lusitano da Serra da Estrela), com as suas pastagens, abundância de águas e o enquadramento protector da montanha era um dos locais habitados por esta tribo ibérica, de que muitos portugueses se consideram descendentes.






O linho, que foi noutros tempos uma das culturas importantes da região, estará na origem do nome Linhares, literalmente campo de linho.

 


Cabeça (Seia)

 

Em plena serra da Estrela encontramos a aldeia de Cabeça, uma pitoresca aldeia onde predomina o casario em xisto, um local repleto de encantos e histórias que vale a pena desvendar. A tradição e a identidade desta aldeia está muito associada ao cultivo dos campos em socalco e à pastorícia.



Possui duas igrejas (São Romão e Paroquial) e duas capelas (Santo António e Nossa Senhora da Nazaré). Devido ao crescimento da população a antiga igreja paroquial, cujo o seu orago é São Romão, deixou de servir construindo-se então a actual Igreja Paroquial. A capela da N.S.ª da Nazaré data de 1900 e fica aproximadamente a 500m da povoação.

 

3. Vasco Esteves de Cima (Seia)

 

Situada na freguesia de Alvoco da Serra, Seia. Várias foram as suas designações para o distinguir do seu homónimo: Vasco Esteves do Cabo, de lá, d’ Alem e finalmente Vasco Esteves de Cima.

Vasco Esteves deve ter sido um rico proprietário que desbravou, valorizou e transformou a agricultura e pecuária desta zona, impondo-se pelo seu dinamismo, e espírito de iniciativa aos outros casais. Com um perfil de chefia reconhecido por todos. O topónimo será assim a expressão da admiração que lhe votaram os seus contemporâneos e descendentes.




Piódão






Chegados à Serra do Açor, o Piódão, é o postal ilustrado perfeito do Inverno português. A encosta, a sua igreja branca a brilhar, as luzes nas janelas das casas em patamares e a alvura da neve, criam um cenário único e irrepetível. Visite anda Foz D’ Égua, a 4km, uma aldeia num belíssimo estado de conservação, no cruzamento de vários rios e ribeiras.

 

Sortelha

As terras do Sabugal têm visitas regulares da neve e entre o Côa e Casteleiro há uma região onde a sua presença cai que nem uma luva. Sortelha é uma das mais belas e antigas vilas portuguesas. A visita possibilita ao forasteiro recuar aos séculos passados, por entre as sepulturas medievais, junto ao pelourinho manuelino ou de frente à igreja renascentista. Quando se pinta de branco, parece que alguém sussurra: 

  • As 5 aldeias mais bonitas da Serra da Estrela para ver neve


Outros Artigos Populares no Blogue