Escapadinha em Viana do Castelo

 

O que fazer em Viana do Castelo

Viana do Castelo. Uma das mais bonitas cidades de Portugal. Cheia de história, cultura e tradição, Viana é uma cidade perfeita para uma escapadela de fim de semana com a sua cara metade.

Subir no elevador até o Santuário de Santa Luzia e usufruir, a dois, de uma das mais deslumbrantes paisagens do país. Percorrer o centro histórico de Viana do Castelo, sem mapa e sem rumo, descobrindo todos os seus recantos e pequenas praças. Visitar o Museu do Traje. Perder-se nas feiras e lojas à procura do Lenço dos Namorados perfeito. Caminhar de mão dada junto à Praia do Cabedelo. E, quando a fome apertar, deliciarem-se com as famosas bolas de berlim do Natário. Estas são apenas algumas das nossas sugestões para uma estadia romântica nesta que é uma das mais encantadoras cidades do país.

 

 

Escapadinha em Braga

 

O que fazer em Braga

Conhecida como a “Roma Portuguesa”, Braga é uma cidade com um encanto especial. Com um grande legado e longa história (e mais de 30 igrejas!), Braga é a cidade mais antiga de Portugal, com mais de 2000 anos.

Bom Jesus, no alto de uma colina, de onde se vislumbra toda a cidade, é um dos locais obrigatórios. Para lá chegar pode subir a sua escadaria (com mais de 600 degraus) ou optar pelo fascinante elevador do Bom Jesus – o primeiro funicular construído na Península Ibérica e atualmente o mais antigo em serviço no mundo, com o sistema de contrapeso de água. Para além da incrível vista e do seu parque natural, o Bom Jesus conta ainda com dois programas particularmente românticos: um passeio de barco ou a cavalo.

Mas o “Coração do Minho” tem muito mais para oferecer: um passeio pelo romântico Jardim de Santa Bárbara, uma visita à , uma caminhada pelo centro onde um mar de flores enche a Avenida da Liberdade, conhecer o Arco da Porta Nova, beber um café na icónica Brasileira ou perder-se na incrível vista do Sameiro são apenas algumas das muitas atividades para um fim de semana perfeito.

Escapadinha no Douro

 

O que fazer no Douro

Dotado de uma exuberante beleza natural e abençoado pelas suas vinhas sob o rio, o Douro é o local onde se produz o mundialmente famoso Vinho do Porto. As pequenas aldeias entre a paisagem, as vinhas e as fantásticas colinas são um convite para conhecer esta que é uma das províncias mais deslumbrantes de Portugal.

Há inúmeros programas românticos, perfeitos para guardar para sempre na memória: um cruzeiro pelo rio ou uma viagem de veleiro, um passeio de comboio entre a Régua e o Tua, uma visita ao miradouro de Casal de Loivosou então um passeio de burro, promovido pela Douro Valley.

E para acompanhar o fim de semana mais romântico de sempre… claro, um cálice de vinho do Porto!

 

Escapadinha em Coimbra

 

O que fazer em Coimbra

Com um ambiente muito próprio, fruto de um passado cheio de história, Coimbra é um destino intemporal que inspirou a obra de aclamados poetas e escritores. Ao som das serenatas e do Fado, Coimbra conquistará o vosso coração.

Neste roteiro romântico, a primeira paragem obrigatória é a Quinta das Lágrimas, um local envolto pela mais pura beleza e marcado para sempre pela história de amor entre D. Pedro e Inês de Castro.

O Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, a Igreja de Santa Cruz, a Universidade de Coimbra e Conímbriga – um dos maiores complexos de ruínas romanas do país – são outros dos planos para um fim de semana em cheio.

 

Escapadinha no Funchal

 

O que fazer no Funchal

Perfeitamente localizada na costa sul da Madeira, o Funchal é uma cidade pitoresca, detentora de uma beleza natural mundialmente reconhecida.

Passear pelos incríveis parques e jardins, fazer mergulho, nadar com golfinhos, comer bolo do caco, beber vinho da Madeira e perder-se pelas estreitas e sinuosas ruelas são apenas algumas das muitas experiências inesquecíveis que fazem deste destino um dos mais românticos do país.

Destino ideal para experienciar a dois, o Funchal conquistará certamente um lugar no vosso álbum das melhores viagens românticas.

 

Escapadinha em Guimarães

 

O que fazer em Guimarães

A pitoresca cidade de Guimarães é um dos mais importantes destinos históricos do país. Conhecida como o “Berço da Nação”, Guimarães é um destino fascinante para visitar a dois: particularmente pelo seu castelo, muralhas e bairros medievais, muito bem preservados e, por isso, encantadores. Classificada como Património Mundial pela UNESCO, Guimarães é composta por vielas sinuosas ladeadas por casas antigas que nos conduzem até à praça principal, o Largo da Oliveira, e ao antigo Palácio Ducal.

Para partilhar soberbas vistas panorâmicas de Guimarães com o seu amado, nada melhor que uma ida à Penha, através do teleférico, que proporciona uma bonita vista aérea da cidade e de onde poderá desfrutar de uma paisagem natural única.

A melhor altura para visitar Guimarães? Na realidade Guimarães é uma cidade encantadora durante todo o ano, mas na primeira semana de agosto, durante a qual se celebram anualmente as Festas Gualterianas (realizadas desde 1452), é possível apreciar o seu ambiente medieval no seu expoente máximo com um mercado de artesanato de estilo medieval, feira de artes e um animado desfile de trajos antigos.

 

Escapadinha em Évora

 

O que fazer em Évora

Considerada património mundial pela Unesco, Évora é uma cidade cheia de beleza encanto. Conhecida por ser uma autentica cidade-museu, cujas raízes datam dos tempos dos romanos, Évora é uma viagem onde se sente a carga da história, mas onde se destacam também os pormenores da arquitetura, as casas brancas, os azulejos e as varandas.

Depois de conhecerem e se maravilharem com os vestígios do passado, não se esqueçam de se render ao presente e perderem-se nas delícias dagastronomia alentejana tradicional.

Deixem tudo para trás e preparem-se para o charme de Évora – a cidade mais romântica do Alentejo!

 

Escapadinha em Monsaraz

 

O que fazer em Monsaraz

Situada no topo de uma colina, com vista sobre o Guadiana e a fronteira com Espanha, Monsaraz é o Alentejo perto do céu. Vila medieval airosa, feita de cal e xisto, Monsaraz mantem o ambiente e magia de outros tempos, como poucos lugares no mundo.

As muralhas que cercam a vila desvendam uma povoação acolhedora e os ecos das magníficas histórias aqui vividas. A Porta da Vila, o Castelo e a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Lagoa são alguns dos pontos obrigatórios. Mas quando a noite cai há um programa que certamente não vai querer perder: o céu de Monsaraz, que brilha como mais nenhum e oferece um espetáculo de estrelas e constelações único.

Descobrir Monsaraz é viajar no tempo. É desfrutar o presente. É sentir.

 

Escapadinha em Piódão

 

O que fazer em Piódão

Na Serra do Açor, no Centro de Portugal, descobrimos uma aldeia histórica que teima em permanecer um tesouro escondido. E é por isso que é o destino ideal para uma escapadela a dois.

Conhecida pelas suas casas em xisto com janelas e portas pintadas de azul, Piódão é um daqueles destinos para conhecer sem guia ou mapa. É um sítio para se perder e apaixonar.

Percursos pedestres (pela Foz d’Égua e Chãs d’Égua), passeios de bicicleta ou uma visita ao Núcleo Museológico do Piódão são alguns dos programas propostos. Mas não se esqueça de saborear e partilhar com a sua cara metade as especialidades da gastronomia local: a broa de batata, o mel, o queijo da serra, os licores, a chanfana, o cabrito assado e as trutas grelhadas.

 

Escapadinha em Óbidos

 

O que fazer em Óbidos

Óbidos é um dos mais impressionantes e românticos destinos em Portugal. A pouco mais de 80 km de Lisboa, esta cidade medieval – ainda toda muralhada – encanta todos os que a visitam. O Castelo de Óbidos, construído no século XIII, é a estrela da cidade e constitui uma das Sete Maravilhas de Portugal, funcionando hoje como uma pousada.

Mas há muito mais para descobrir e momentos para partilhar: subir às muralhas e contemplar o infinito, conhecer as igrejas e capelas, visitar as pequenas lojas e perder-se pelo típico casario de Óbidos, com seus detalhes em azul e amarelo. Uma experiência verdadeiramente mágica… que irá certamente ficar para sempre nas vossas memórias.

 

Escapadinha na Guarda/ Serra da Estrela

 

O que fazer na Guarda

Implantada na paisagem montanhosa da Serra da Estrela, a Guarda é a cidade mais alta de Portugal, onde o ar é limpo, leve e sadio. Herdeira de um património cultural único, a Guarda encerra nas suas muralhas mais de 800 anos de História. No ponto mais alto da cidade ergue-se a Torre de Menagem, símbolo máximo de toda a estrutura defensiva. No centro da cidade, e digna de visita, encontramos a Catedral da Guarda.

Conhecida como “A cidade dos 5 F’s” – forte, farta, fria, fiel e formosa -, a Guarda é marcada pelo granito, pelos vales, pelo seu ar puro e pela tradição de saúde e bem-estar: o clima de montanha e a fertilidade dos solos garantem uma riquíssima gastronomia. E o clima traz a beleza e o brilho inigualável da neve, que a transforma a cidade e a pinta de branco.

Se procura um retiro para estar em contacto com a natureza, degustar sabores divinos e namorar à lareira, Guarda é sem dúvida a resposta.